2018

Minha Bike - Registro de bicicletas no Paraná

Uma vitória da sociedade civil organizada, foi o desenvolvimento da solução MINHA BIKE dentro da plataforma do Governo Digital do estado do Paraná. Contando com a participação de vários órgãos do governo e representantes de ciclistas como a Cicloiguaçu, Pedal Cajuru, FEP e Ciclovida (UFPR), o MINHA BIKE permite que todo cidadão registrado com dados biométricos (nível mais alto de segurança) possa cadastrar suas bicicletas através de fotos, número de

Análise de acidente e proposta de solução

Local: Interseção das Ruas João Falarz e Deputado Heitor Alencar Furtado, próximo ao Terminal Campo Comprido. Ver no mapa completo LEITURA DA SITUAÇÃO-PROBLEMA Uma colisão nunca é causada por um erro de uma pessoa. Mas, por uma série de ações perigosas de um ou mais usuários(as), em combinação com erros latentes no sistema viário; de acontecimentos que não estejam bem adaptados entre si.1 A seguir, serão abordadas características da via

mobilidade ativa nas eleições

A associação de ciclistas do Alto Iguaçu – Cicloiguaçu, em conjunto com mais de 11 entidades, aderiu a Campanha Nacional Mobilidade Ativa nas Eleições, que visa a construção e coleta de assinaturas de uma Carta Compromisso. A carta, redigida coletivamente por organizações civis do Estado do Paraná foi estruturada em três eixos de compromissos: Comportamento, Projeto e Financiamento. Cada eixo possui um conjunto de ações que tem como foco o

apresentacao projeto vida no trânsito Curitiba

No dia 19/07/2018, participamos da reunião mensal do Projeto Vida no Trânsito – PVT para falar sobre o perfil do uso da bicicleta (Perfil Ciclista 2017). O PVT, em Curitiba, é um programa interinstitucional coordenado pela SETRAN, voltado à redução de óbitos e ferimentos graves no trânsito, com foco em saúde pública, infraestrutura, e registro e análise de dados. A Cicloiguaçu integra o programa enquanto parceira. João Bazzo, coordenador de

Agenda de segurança pública

Estivemos nesta semana no Comando Geral da Polícia Militar para tratar de roubos e furtos de bicicletas em Curitiba e sobre registro de colisões envolvendo bicicletas pelo sistema BATEU. Participaram da conversa o Sargento Gustavo e Tenente Titão, Bento Aleixo (ciclista e policial militar) e nossos coordenadores, Fábio Meger, Fernando e João Bazzo. Fizemos a solicitação de dados sobre furtos e roubos a usuários, bem como melhorias no sistema digital

vaga viva!

A Vaga viva, Parklet, é um mobiliário urbano destinado a ampliar o espaço da calçada para pedestres e ciclistas, dispondo de bancos, mesas, paraciclos e floreiras. Em Curitiba o conceito foi propagado pela ONG Cicloiguaçu que em 2014 iniciou uma série de ocupações espontâneas de vagas de estacionamento, provocando a reflexão do uso do espaço público quanto aos benefícios e ao convite que o mobiliário faz aos transeuntes habitarem a

Bate papo com Mariana Parreiras

Bate papo com Mariana Parreiras na Bicicletaria Cultural. Formada em arquitetura e mestrado em planejamento urbano e engenharia de transporte pela Universidade de Berkeley, Mariana mora há mais de 25 anos na Califórnia, atuando no San Francisco Bay Area Rapid Transit District – BART, que é um trem/metrô que serve a área metropolitana de San Francisco. Seu trabalho é melhorar o acesso às estações para pedestres e ciclistas. Quando o