Perfil Ciclista Curitiba 2017 – Projeto Vida no Trânsito

apresentacao projeto vida no trânsito Curitiba

No dia 19/07/2018, participamos da reunião mensal do Projeto Vida no Trânsito – PVT para falar sobre o perfil do uso da bicicleta (Perfil Ciclista 2017).

O PVT, em Curitiba, é um programa interinstitucional coordenado pela SETRAN, voltado à redução de óbitos e ferimentos graves no trânsito, com foco em saúde pública, infraestrutura, e registro e análise de dados. A Cicloiguaçu integra o programa enquanto parceira.

João Bazzo, coordenador de pesquisa da Cicloiguaçu, apresentou os principais resultados. Nosso diagnóstico mostrou, acima de tudo, que:
> Curitiba tem mais novos(as) usuários(as) que a média brasileira, demandando portanto ações de orientação e campanhas de pedal defensivo;
> O principal problema é a falta de infraestrutura, seguido de falta de segurança de trânsito (tópico bastante correlato), demandando ações de ampliação da infraestrutura cicloviária (não prevista atualmente);
> As principais motivações em começar a utilizar a bicicleta são “rapidez e praticidade”, seguida de “saúde”. O “baixo custo” entra como terceira principal razão, quebrando o estereótipo de que se usa a bicicleta por baixa renda;
> As maiores proporções dos(das) entrevistados(as) utilizam a bicicleta durante 5 e 7 dias por semana, mostrando como a implantação de “bike sharing” e “integração modal com coletivo” podem aumentar as viagens semanais (principalmente as inferiores à cinco dias).

Foram entrevistados(as) 848 usuários em 17 pontos da cidade, entre set-dez/2017.
Veja os resultados de Curitiba e outras capitais na publicação da ONG Transporte Ativo/LABMOB/Observatório das Metrópoles no link: http://transporteativo.org.br/ta/?page_id=11570

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *